Unicentro repassa 200 quilos de álcool em gel para a Secretaria de Saúde de Guarapuava

0
120

A produção de álcool-gel pela Agência de Inovação da Unicentro (Integ) vem beneficiando a comunidade paranaense, em especial, a de Guarapuava em diversas áreas. Nesse ano, em que a incidência de casos de H1N1 aumentou significativamente, o produto tem uma importância social ainda maior. Ele é utilizado para a assepsia das mãos, evitando a proliferação da doença e a contaminação pelo vírus da gripe A. “O álcool-gel é uma maneira de proteção extremamente eficaz. Sabemos que ele é indispensável e beneficia 100% na prevenção contra a gripe A”, explicou a diretora do Departamento de Atenção a Saúde do município, Kelli Cristina Tramontina.

Professor Gilmar Bueno repassa álcool-gel para representantes da Secretaria Municipal de Saúde de Guarapuava (Foto: Maíra Machado)

Professor Gilmar Bueno repassa álcool-gel para representantes da Secretaria Municipal de Saúde de Guarapuava (Foto: Maíra Machado)

Por isso, na última terça-feira, 7, a Unicentro repassou 200 quilos de álcool em gel à Secretaria Municipal de Saúde, que vai fazer a distribuição entre as 44 unidades básicas de saúde de Guarapuava.“Agora”, explicou, Kelli, “poderemos atender a totalidade das nossas unidades com esse produto que está sendo disponibilizado. O material será para uso dos profissionais e vai auxiliar no cuidado dos profissionais com os pacientes que a gente atende nessas unidades”, disse.
A Unicentro doa álcool-gel para a prefeitura de Guarapuava desde 2013. Para o professor Gilmar Bueno, coordenador administrativo do projeto, essa parceria gera benefícios também para a sociedade. “Parceria é cada um doar um pouco de si em benefício de uma comunidade. Essa troca leva ao benefício de muitas pessoas. Nos sentimos felizes em poder ser um parceiro da prefeitura e levar benefícios para sociedade como um todo”.
O álcool gel é produzido no Campus Cedeteg da Unicentro, em Guarapuava, a partir de bebidas apreendidas pela Receita Federal, em postos de fiscalização do Paraná, e doadas à universidade. O projeto foi criado para dar um destino ecológico e socialmente correto às bebidas, por isso, a fórmula do produto segue o protocolo da Anvisa, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

Fonte: Coorc Unicentro

Deixe uma resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome