Segurança em escolas francesas e consulados deve ser reforçada em Rio e São Paulo

0
70
  • Tweeter

França

Brasil

Rio 2016

Terrorista

Ataques

Segurança em escolas francesas e consulados deve ser reforçada em Rio e São Paulo

Por

RFI

mediaLiceu franco-brasileiro de São Paulo
iceupasteur.com.br

Às vésperas da abertura dos Jogos Olímpicos, no dia 5 de agosto, as autoridades da França solicitaram ao Brasil um plano de proteção para as embaixadas, consulados e escolas francesas.

A informação divulgada na semana passada, de que um ataque contra a delegação olímpica francesa estaria sendo planejado pelo grupo Estado Islâmico, no Rio de Janeiro, foi desmentida pelo governo francês. Mas Paris solicitou junto às autoridades brasileiras um reforço da segurança durante os Jogos.

O pedido feito ao Itamaraty envolve representações diplomáticas e escolas francesas. Trata-se de uma “praxe” depois de um atentado, de acordo com fontes diplomáticas ouvidas pela RFI Brasil. O procedimento foi o mesmo depois do ataque ao jornal satírico Charlie Hebdo, em janeiro de 2015, dos atentados de 13 de novembro em Paris e da recente tragédia em Nice, que deixou 84 mortos e centenas de feridos.

As autoridades brasileiras agora vão avaliar o nível de ameaça para determinar qual será o dispositivo adotado. O país tem quatro consulados franceses, situados no Rio, São Paulo, Brasília e Recife, além de 48 unidades da Aliança Francesa, mas o pedido das autoridades da França atinge apenas Rio e São Paulo.

Viaturas rondam liceus franceses no Rio

Nesta semana, os liceus franceses situados no Rio já estariam sendo vigiados por viaturas de polícia, e o número de rondas policiais pode aumentar nos próximos dias. O colégio franco-brasileiro enviou uma nota aos pais dos alunos, divulgada na imprensa brasileira, prometendo mantê-los informados sobre possíveis riscos.

A França decidiu prorrogar o estado de emergência por mais seis meses depois da tragédia em Nice. Desde quarta-feira (19), uma delegação da Abin, a Agência Brasileira de Inteligência, está no país para participar de reuniões de trabalho com as autoridades francesas, cujo tema principal será o terrorismo.

  • Tweeter

Fonte: Rádio França Internacional

Deixe uma resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome