União Europeia apoia atividades humanitárias do PMA no Sudão

0
49

Ouvir /

Contribuição é de €12,5 milhões; maior parte será usada para fornecer sorgo a 137 mil deslocados em Darfur por três meses e leguminosas para mais de 180 mil refugiados sul-sudaneses.

Distribuição de ajuda alimentar em acampamento para deslocados. Foto: PMA

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

O Programa Mundial de Alimentação, PMA, saudou esta quinta-feira a contribuição de €12,5 milhões da Comissão Europeia para diversas operações de assistência da agência da ONU no país.

O PMA pretende usar a maior parte dos recursos, €10,5 milhões para fornecer sorgo a 137 mil deslocados em Darfur por três meses e leguminosas para mais de 180 mil refugiados sul-sudaneses por seis meses.

Assistência

A agência também vai apoiar 88,2 mil deslocados em Darfur com senhas alimentares por três meses.

Desta contribuição, €2 milhões serão usados para cooperar com o Serviço Aéreo Humanitário das Nações Unidas no Sudão, na sigla em inglês.

Nos últimos dois anos, a Comissão Europeia contribuiu com €26,5 milhões às operações do PMA no Sudão.

Os recursos permitiram o fornecimento de assistência alimentar às pessoas mais carentes e em situação de insegurança alimentar no país.

Complexidade

Segundo a agência, desde 2011 a Comissão contribuiu um total de €177 milhões ao Serviço Aéreo Humanitário da ONU no Sudão. A operação do PMA permanece uma das maiores e mais complexas da agência, a fornecer assistência a pessoas em Darfur e outros grupos em situação de insegurança alimentar no leste e áreas de fronteira no sul do país. Em 2016, o PMA pretende ajudar 4,6 milhões de pessoas no Sudão, através de diversas atividades. Estas incluem distribuição de comida, merendas escolares e um programa nutricional.

*Apresentação: Denise Costa.

Leia e Oiça:

Unamid reforça patrulhas após ataques em Darfur Norte

Unamid deplora morte de civis em tiroteio que envolveu tribos em Darfur

Sudão: ONU destaca oportunidades com conferência humanitária

Fonte: Rádio ONU

Deixe uma resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome