Nações Unidas condenam atentado em Istambul que matou mais de 30

0
31

Ouvir /

Secretário-geral emitiu nota dizendo esperar que os autores do ataque sejam identificados e levados à justiça; há relatos de que pelo menos 60 pessoas estão feridas.

Ban Ki-moon em coletiva de imprensa na sede da ONU, em Nova York. Foto: ONU/Mark Garten

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, condenou o atentado terrorista ao Aeroporto Internacional Atakurk, em Istambul, na Turquia.

Em nota, emitida pelo seu porta-voz, Ban expressou sua profunda solidariedade e deu os pêsames às famílias das vitimas.

Terminal

Ele também dirigiu as condolências ao governo e ao povo da Turquia. Às dezenas de feridos na explosão dentro do terminal do aeroporto, Ban desejou uma rápida melhora.

Segundo agências de notícias, pelo menos 32 pessoas morreram e mais de 60 estão feridas.

Testemunhas afirmaram que pelo menos um homem estaria usando um fuzil Kalashnikov na hora do ataque.

O secretário-geral da ONU afirmou que espera que os autores do crime sejam identificados e levados à justiça. Ele voltou a dizer que está ao lado da Turquia na tentativa do país de confrontar a ameaça do terrorismo.

Ban ressaltou a necessidade de intensificação dos esforços regionais e internacionais para combater o extremismo violento e o terrorismo.

Fonte: Rádio ONU

Deixe uma resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome