Unicentro conquista três primeiros lugares no Expocom Nacional

0
105

Unicentro conquista três primeiros lugares no Expocom NacionalPublicado 8 de novembro de 2016 | Por ariane Os acadêmicos da Unicentro premiados comemoram o reconhecimento da qualidade dos trabalhos

Os acadêmicos da Unicentro premiados comemoram o reconhecimento da qualidade dos trabalhos

“Nós estamos muito felizes com esse prêmio, com o reconhecimento e, também, por poder levar o que nós aprendemos aqui na universidade para a sociedade. Ficamos felizes por conseguir isso, por fazer a diferença na comunidade com o nosso trabalho”. A declaração acima foi dada pelo aluno de Publicidade e Propaganda da Unicentro, Maurício Pilatti, logo após a divulgação dos ganhadores do Expocom 2016. Mas as palavras e o sentido seriam evocados por qualquer um dos participantes dos três grupos ganhadores desse ano, já que todos se orgulham da conquista e de ter trabalhado com temáticas sociais. “É a maior conquista da Unicentro na história do Expocom. A última vez que ganhamos um Nacional foi 2009, na categoria Telejornal-Laboratório. Agora, foram três de uma vez! Desempenho histórico, que foi uma continuidade dos prêmios obtidos na fase regional do Expocom, em que a Unicentro também bateu recorde de finalistas e de ganhadores”, comemorou a professora do Departamento de Comunicação Social, Ariane Pereira, orientadora de uns dos três trabalhos ganhadores, o “Florescer”, primeiro colocado na categoria “Produção Multimídia”.
“O Florescer é um projeto que nós desenvolvemos para a disciplina de projetos Experimentais, do último ano do curso de Jornalismo. Ele é fruto de uma parceria com a Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres”, explicou a recém-formada Nádia Moccelim, que junto com Caio Budel, Isabela Lessak, Naiara Persegona e Priscila Schran compôs o grupo de desenvolvimento do Florescer. Segundo Isabela, o trabalho – composto por um documentário em vídeo, por uma série de cinco spots radiofônicos e por um livreto informativo – tem como objetivo “dar consciência para as mulheres que estão em situação de violência, que elas podem e elas conseguem sair do ciclo da violência. Mostrar que, dentro da Secretaria, elas encontram as informações e o apoio necessários e, assim, que existe uma nova vida depois da violência, que é possível florescer”.

Detalhe do troféu recebido pelos ganhadores do Expocom 2016

Detalhe do troféu recebido pelos ganhadores do Expocom 2016

As discussões sobre gênero também são o mote central de outro ganhador do Expocom 2016. Douglas Meurer, do segundo ano de Jornalismo da Unicentro, ficou com o primeiro lugar na categoria “Reportagem radiofônica” com o trabalho “Teorias de Gênero: por que discutir?”, orientado pela professora Layse Soares do Nascimento. “Ganhar um prêmio do nível do Expocom Nacional, estando dentro da graduação, com um trabalho do primeiro ano, é sensacional. Dá um ânimo incrível e mostra que a gente está no caminho correto dentro da universidade”, festejou Douglas.
Já o trabalho que colocou Maurício Pilati, Matheus Batista, Luís Augusto de Matos e Richard Matheus Cordeiro entre os ganhadores do Expocom Nacional 2016, na categoria “Publicidade em Mídia Digital” foi a campanha viral “Hospital Bom Pastor”, de Turvo, Paraná, orientada pela professora Andressa Rickli. “A gente lançou uma campanha e fez todo o planejamento para que ela viralizasse. Atingimos mais de 100 mil pessoas aqui da nossa região. Com isso, conseguimos que a doação de alimentos para o hospital fosse triplicada”, contou Maurício.
O trabalho de penetração social e com resultados efetivos também é ressaltado por Nádia Moccelim. “É uma maneira de devolver para a sociedade todo o investimento feito em nós, durante os quatro anos de graduação em uma Universidade pública. Nós soubemos aproveitar a possibilidade que tivemos, reconhecemos que estávamos uma universidade extremamente aberta, e nos permitimos, nos exigimos realizar trabalhos envolvendo os problemas sociais, como o Florescer”.
O Expocom é a maior premiação brasileira voltada para a prática acadêmica na área de Comunicação e é realizado, ano a ano, em duas fases (as cinco etapas regionais e a nacional, que reúne os ganhadores das etapas regionais) pela Intercom (Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação).

Postado em noticiasFonte: Unicentro

Deixe uma resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome