Primeira Semana de Segurança do Paciente é realizada no Hospital São Vicente de Paula

0
399

Primeira Semana de Segurança do Paciente é realizada no Hospital São Vicente de PaulaPublicado 15 de dezembro de 2016 | Por ariane

O departamento de Enfermagem da Unicentro, em parceria com o Hospital São Vicente de Paula, promoveu a Primeira Semana de Segurança do Paciente. Segundo a coordenadora da atividade, professora Aline Mattei, a ideia veio de um pedido da enfermeira responsável pelo Núcleo de Segurança do Paciente do Hospital. O objetivo do evento foi abordar os seis protocolos de segurança do paciente para uma assistência mais eficaz dentro do hospital.
“Nós sabemos que existem muitos danos. Hoje, a gente não chama mais de erros, a gente chama de danos, ou de eventos adversos. Então, nosso objetivo é promover realmente uma assistência de qualidade, uma assistência segura, e não estamos falando só de assistência médica, mas de enfermagem, de fisioterapia, de nutrição. Para que tudo que eu vá realizar com o paciente não cause nenhum dano”, explica a professora Aline.
Viviane Euzebia, presidente da Rebraensp, que é a Rede Brasileira de Enfermagem e Segurança do Paciente, do Rio de Janeiro, foi uma das palestrantes convidadas para o evento. Ela conta que em sua palestra abordou o contexto de segurança do paciente e falou, ainda, sobre a importância de se discutir sobre o assunto. “Iniciei com o surgimento da segurança do paciente, os conceitos usados, o risco que o sistema de saúde corre, o quanto a saúde tem mais chances de causar danos a um paciente do que outros sistemas de serviços – até mesmo a aeronáutica a energia nuclear, elas até podem causar, mas muito esporadicamente, já a saúde diariamente causa danos ao paciente. Um em cada dez pacientes sofre algum evento adverso durante seu cuidado. Então, por isso, a importância da gente falar sobre a segurança do paciente”.
Para a aluna de enfermagem Talita dos Santos participar dos debates foi uma experiência significativa para a sua formação. “Fi de grande valia, tanto de conhecimento, como de experiência mesmo. Afinal, a gente conseguiu transmitir ao público sobre os seis protocolos que abordam a segurança do paciente e acho que a gente conseguiu atingir um grande público, visando mesmo a qualidade de segurança do paciente, visando que esse paciente seja melhor atendido dentro das instituições de saúde”.
A professora Aline Mattei reforça que é função do enfermeiro promover a saúde e a melhor forma de se cumprir esse objetivo é através da educação. “Nós fomentamos muito no nosso curso de Enfermagem a educação à saúde, ela está nas leis e diretrizes curriculares e na formação deles desde o primeiro ano. Nós incentivamos porque é uma função do enfermeiro sempre estar promovendo a saúde. E não existe forma melhor de promover a saúde do que a educação, as palestras, entre outros”.

Postado em noticiasFonte: Unicentro

Deixe uma resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome