Turquia acusa curdos por atentado que deixou 28 mortos em Ancara

0
69

Por

RFI

mediaA polícia cercou o local do atentado de ontem (17), no centro de Ancara.
REUTERS/Umit Bektas

O governo turco atribuiu nesta quinta-feira (18) a responsabilidade do atentado suicida ocorrido ontem (17) em Ancara ao PKK, o Partido dos Trabalhadores do Curdistão, e a uma milícia curda da Síria infiltrada na Turquia. A explosão do carro-bomba deixou 28 mortos e mais de 60 feridos. Tanto o PKK, quanto o Partido de União Democrática (PYD), o principal partido curdo da Síria, negaram qualquer envolvimento no ataque.

Fonte: Rádio França Internacional

Deixe uma resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome