População deve ficar em casa após explosão da BASF na Alemanha

0
75

População deve ficar em casa após explosão da BASF na Alemanha

Por

RFI

mediaFumaça tomou conta da paisagem de Ludwigshafen após a explosão.
REUTERS/Ralph Orlowski

Uma explosão de origem indeterminada matou pelo menos uma pessoa e deixou vários feridos em uma filial do grupo químico BASF no porto de Ludwigshafen, no oeste da Alemanha, nesta segunda-feira (17). As autoridades locais pediram que a população não saia de casa.

De acordo com um comunicado divulgado pelo grupo alemão, “a explosão, seguida de incêndio, ocorreu durante reparações do sistema de oleodutos”. Segundo Uwe Liebelt, representante da BASF, além da vítima fatal, “seis pessoas estão feridas e outras seis continuam desaparecidas”. No entanto, ele afirma que a explosão não representa perigo para a população da região portuária, situada a 80 km ao sul de Frankfurt.

O acidente ocorreu às 11h20 pelo horário local (7h20 em Brasília). De acordo com o porta-voz dos bombeiros, cerca de 100 homens tentam conter o fogo atualmente. “Esperamos controlar o incêndio até a noite”, anunciou.

As autoridades locais pediram que os moradores do bairro de Edigheim, nas redondezas do porto, "mantenham portas e janelas fechadas”. As escolas e jardins de infância também receberam instruções para não deixarem as crianças do lado de fora.

Ludwigshafen tem uma população de 160 mil habitantes e a filial da BASF na cidade emprega 35 mil pessoas.

Em sua conta no Twitter, a prefeitura informou que alguns moradores reclamaram de irritações das vias respiratórias. Um telefone de urgência foi colocado à disposição da população pela empresa alemã.

Essa não é a primeira vez que Ludwigshafen é palco de explosões do gênero, mesmo se os acidentes se tornaram mais raros nos últimos anos. Os episódios mais graves envolvendo a BASF foram registrados em 1921, quando 585 pessoas morreram, e em 1948, quando uma explosão deixou 207 vítimas fatais e 3.800 feridos.

Fonte: Rádio França Internacional

Deixe uma resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome