Coalizão no poder no Uruguai manifesta ‘solidariedade’ a Dilma

0
43

A coalizão Frente Ampla, no poder no Uruguai, rejeitou neste domingo (6) as tentativas de "destituição" de Dilma Rousseff. Diante da abertura de um processo de impeachment contra a presidente brasileira, o Plenário Nacional da coalizão de esquerda uruguaia, classificou a iniciativa de "desestabilizadora", e manifestou sua "solidariedade" com a presidente e seu partido (PT).

Fonte: Rádio França Internacional

Deixe uma resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome