Atirador de Dallas disse que queria matar policiais brancos

0
38
  • Tweeter

EUA

Atirador

Atirador de Dallas disse que queria matar policiais brancos

mediaCinco policias foram mortos durante protesto em Dallas.
Ron Jenkins/Getty Images/AFP

O homem que foi abatido pela polícia depois dos tiroteios da noite de quinta-feira (7) em Dallas afirmou que não estava afiliado a qualquer grupo e que queria apenas matar policiais brancos, revelou nesta sexta-feira (8) o chefe de polícia de Dallas, David Brown.

Segundo a imprensa americana, o suspeito foi identificado como Micah Johnson, 25 anos. Ele foi morto por um artefato explosivo detonado pela polícia durante o cerco para sua captura. O homem estava escondido em um prédio que foi encurralado pela polícia. Ele foi atingido por um robô operado pela polícia por controle remoto, carregando uma bomba.

Durante as negociações para que se entregasse, o suspeito teria dito que estava muito abalado pelos caos recentes de homens negros mortos pela polícia. Também teria dito que queria “matar brancos, especialmente policiais brancos”.

Na entrevista em que relatou a história, o chefe da polícia fez um dramático apelo à unidade, afirmando que "isso tem que acabar, esta divisão entre nossa polícia e nossos cidadãos". "Os policiais de Dallas estão abalados. Nosso coração está partido. Não há palavras para descrever a atrocidade que ocorreu em nossa cidade", acrescentou Brown.

Curar as feridas

Embora o homem tenha dito que trabalhou sozinho, três outros suspeitos foram presos. O prefeito de Dallas, Mike Rawlings, disse que eles não estavam “querendo colaborar”. Rawlings também convocou o povo americano a acompanhar o moradores de Dallas em uma prece ao meio-dia do horário local “para unir novamente a nossa cidade e o nosso país, parar curar feridas, e não abrir outras mais”.

O assassinato dos cinco policiais ocorreu durante uma das várias manifestações que foram realizadas em todos os Estados Unidos em protesto à morte de dois homens negros pela polícia. Um foi morto em Luisiana, na terça-feira, e outro em Minnesota, na quarta.

  • Tweeter

Fonte: Rádio França Internacional

Deixe uma resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome