Enviada da ONU, Angelina Jolie, tem reunião com EUA sobre refugiados

0
40

Ouvir /

Embaixadora da Boa Vontade e enviada especial da Agência da ONU para o tema, Acnur, atriz marcou o Dia Mundial dos Refugiados em reunião com o secretário de Estado americano, John Kerry, em Washington.

Angelina Jolie com refugiados sírios. Foto: Acnur/O.Laban-Matte

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

A enviada especial das Nações Unidas para os Refugiados, Angelina Jolie, esteve em Washington na segunda-feira para pedir mais apoio internacional para dezenas de milhões de pessoas obrigadas a fugir de suas casas todos os anos.

Jolie, que também é embaixadora da Boa Vontade da Agência da ONU para Refugiados, Acnur, se reuniu com o secretário de Estado americano, John Kerry, para debater, segundo ela, uma nova maneira de reagir à questão.

Guerras

Angelina Jolie pediu às pessoas que compreendam que com 65 milhões de deslocados por conflitos, o mundo passou a enfrentar um quadro de guerras que não podem mais ser ignoradas. Segundo ela, a inércia frente a esta situação é ingenuidade, irresponsabilidade e perigosa.

Já o secretário de Estado americano, John Kerry, elogiou o empenho da atriz em seu trabalho com o Acnur, destacando que Angelina Jolie já viajou a vários países para conhecer de perto a situação dos refugiados.

Jolie também ressaltou a magnitude da crise de refugiados para a situação da paz e da segurança internacionais.

Ela afirmou que a solução não pode ser somente baseada em reassentamentos e ajuda humanitária, mas tem que passar por estabilidade e retornos voluntários daqueles que fogem de suas casas.

Ela concluiu dizendo que um dos efeitos da crise de refugiados é o aumento da intolerância e da xenofobia.
Para Angelina Jolie, liderança e soluções são necessárias para conter a crise.

Fonte: Rádio ONU

Deixe uma resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome