Entrevista: Dia Mundial da Conscientização da Violência à Pessoa Idosa

0
48

Ouvir /

Foto: Banco Mundial/Celine Ferre

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu a todos os países e sociedades civis que reforçem a determinação e redobrem os esforços para eliminar todas as formas de violência e abusos contra os idosos.

De São Paulo, em entrevista à Rádio ONU, a doutora em Saúde Pública da USP e especialista em gerontologia pela Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia, Marília Berzins, disse que "a situação no Brasil é preocupante".

Segundo ela, as pessoas idosas sofrem violência doméstica, que é a maior proporção dos casos que acontecem. Berzins explicou que a violência doméstica é aquela que acontece dentro de casa e é provocada por membros da própria família.

Além disso, a especialista falou que as pessoas idosas sofrem violência na vida pública, sofrem violência urbana, institucional e estrutural. Berzins afirmou que a violência contra idosos no Brasil, assim com em vários lugares do mundo, é subnotificada, ou seja, acontece mais violência do que o que se sabe.

Acompanhe a entrevista com Edgard Júnior

Duração:7’04″

Fonte: Rádio ONU

Deixe uma resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome